Planeta Terra Versão 2.0

Não há Esquerda ou Direita - há apenas liberdade ou tirania. Tudo o resto é uma ilusão, uma ofuscação para mantê-lo confuso e em silêncio à medida que o mundo arde à sua volta.

Philip Brennan

Pub

Doações

Saldo Acumulado: 0 EUR

Só é possível continuar a fazer este trabalho graças à sua generosidade.

Se considera que a informação aqui disponibilizada tem relevância para si e pretende fazer uma doação, por favor faça uma que esteja dentro das suas possibilidades financeiras.

Saiba como

Últimos Artigos

Globo
Portugal
Dinheiro
Ciência e Tecnologia
Conflitos Mundiais
Big Brother
Tirania
Fenómenos
Pub

Saif al-Islam está vivo e quer vingar a morte do pai e irmãos

ArtigoComentários (0)

O possível sucessor do falecido líder líbio, Saif al-Islam, contrariamente àquilo que as últimas notícias relataram, está na Líbia e está vivo. Segundo uma notícia foi divulgada pelo canal televisivo sírio Al-Rai TV Channel, Saif al-Islam não irá desistir de defender o seu país dos tentáculos dos imperialistas.

Na mensagem audio difundida no Sábado passado através da estação televisiva Al-Rai TV, Saif al-Islam, dirigindo-se a todos os seus apoiantes, prometeu vingança pela morte bárbara do seu pai e do seu irmão Mutassim Gaddafi.

De acordo com a agência noticiosa Uruknet as palavras de Saif foram as seguintes:

«Continuaremos a nossa resistência. Estou na Líbia, estou vivo e tenciono ir até ao fim e à vingança exacta. Eu digo: vão para o Inferno seus ratos e NATO por detrás de vocês. Este é o nosso país. Vivemos nele e morremos nele, e vamos continuar a luta.

Recebi uma mensagem  das tribos de Bani Walid acerca de um consenso geral entre ele para responder às ameaças dos gangues de ratos — os "revolucionários" e a aliança da NATO.

Segundo o Ministro da Justiça do Conselho Nacional de Transição líbio, Saif al-Islam havia sido caputado ferido e hospitalizado.

A agência noticiosa Russia Today, revela que na passada Quinta-feira, dia 20, o canal televisivo Egípcio Nile TV, Saif al-Islam conseguiu retirar-se de Sirte e abrigar-se no deserto.

Dado que estava previsto a NATO ir-se embora da Líbia no final deste mês é provável que se venha a manter por lá durante mais uns tempos.

Reportar Erro

Caso tenha detectado algum tipo erro por favor descreva-o.