Planeta Terra Versão 2.0

Que diferença faz aos mortos, aos orfãos e aos sem-abrigo, se a destruição louca é feita sob o nome de totalitarismo, ou sob o santo nome da liberdade ou democracia?

Mahatma Gandhi (1869 ~ 1948)

Pub

Doações

Saldo Acumulado: 0 EUR

Só é possível continuar a fazer este trabalho graças à sua generosidade.

Se considera que a informação aqui disponibilizada tem relevância para si e pretende fazer uma doação, por favor faça uma que esteja dentro das suas possibilidades financeiras.

Saiba como

Últimos Artigos

Globo
Portugal
Dinheiro
Ciência e Tecnologia
Conflitos Mundiais
Big Brother
Tirania
Fenómenos
Pub

Khadafi deixou 1300 milhões de euros na Caixa Geral de Depósitos

ArtigoComentários (0)
O gesto do antigo ditador foi uma represália contra a prisão do seu filho mais novo

Foto: Reuters/ Max Rossi

A Caixa Geral de Depósitos tem neste momento 1300 milhões de euros de fundos estatais da Líbia depositados em quatro contas que foram congeladas em Março ao abrigo das sanções internacionais contra o regime de Khadafi, confirmou o PÚBLICO junto de várias fontes da banca, do Governo e da diplomacia ao longo dos últimos sete meses.

Contactada, a Caixa não quis comentar. O primeiro depósito chegou a Portugal em 2008, depois de Khadafi, de forma intempestiva, ter levantado todo o dinheiro dos fundos públicos líbios que estava depositado em bancos suíços. O gesto do antigo ditador foi uma represália contra a prisão, no Verão desse ano, do seu filho mais novo, Hannibal Khadafi, e da mulher, na altura grávida de nove meses.

Rótulos deste artigo

Reportar Erro

Caso tenha detectado algum tipo erro por favor descreva-o.