Planeta Terra Versão 2.0

Numa época em que a mentira é universal, dizer a verdade é um acto revolucionário.

George Orwell (1903 ~ 1950)

Pub

Doações

Saldo Acumulado: 0 EUR

Só é possível continuar a fazer este trabalho graças à sua generosidade.

Se considera que a informação aqui disponibilizada tem relevância para si e pretende fazer uma doação, por favor faça uma que esteja dentro das suas possibilidades financeiras.

Saiba como

Últimos Artigos

Globo
Portugal
Dinheiro
Ciência e Tecnologia
Conflitos Mundiais
Big Brother
Tirania
Fenómenos
Pub

Forças rebeldes controlam porto de Sirte

ArtigoComentários (0)
Sirte é um dos últimos bastiões do regime

Foto: Reuters/ Goran Tomasevic

As forças rebeldes líbias deram mais um passo para tomar a cidade natal de Muammar Khadafi. Confrontos durante a noite permitiram-lhes o controlo do porto de Sirte, noticiou a AFP.

Houve combates de noite e agora controlamos o porto”, afirmou o comandante Mustafa bin Dardef, da brigada Zintan, ligada ao Conselho Nacional de Transição (CNT), o novo órgão de poder na Líbia.

A agência francesa refere que a captura do porto, na zona oriental de Sirte, será uma vitória estratégica para as forças anti-Khadafi na sua tentativa de tomar a cidade, que continua a ser um dos dois últimos bastiões do coronel.

A Reuters também indicava um aumento dos confrontos pela tomada de Sirte, intensificados ontem com o terceiro dia consecutivo de raides aéreos da NATO.

Os combatentes do CNT aproximaram-se pelo Leste (onde na segunda-feira capturaram um depósito de armamento às forças lealistas), Oeste e Sul da cidade, e estavam hoje a preparar as armas com o objectivo de chegar ao centro, onde estão instalações militares e um complexo de Khadafi, adianta a AFP. “À medida que nos aproximamos do centro da cidade, será um combate de rua cara-a-cara e estamos a prepará-lo”, adiantou Ali Zaidi, um combatente do governo interino.

Segundo a Reuters, serão necessários cerca de dois quilómetros de avanço. Mas a batalha poderá não ser decisiva, já que as forças do CNT já foram outras vezes obrigadas a recuar de Sirte, tal como de Bani Walid (o outro bastião que falta capturar), devido à forte resposta dos leais a Khadafi aos seus ataques mal organizados.

Reportar Erro

Caso tenha detectado algum tipo erro por favor descreva-o.