Planeta Terra Versão 2.0

A certeza absoluta é um privilégio das mentes não-educadas e dos fanáticos

Cassius Keyser (1862 ~ 1947)

Pub

Doações

Saldo Acumulado: 0 EUR

Só é possível continuar a fazer este trabalho graças à sua generosidade.

Se considera que a informação aqui disponibilizada tem relevância para si e pretende fazer uma doação, por favor faça uma que esteja dentro das suas possibilidades financeiras.

Saiba como

Últimos Artigos

Globo
Portugal
Dinheiro
Ciência e Tecnologia
Conflitos Mundiais
Big Brother
Tirania
Fenómenos
Pub

Filho de Gaddafi também foi capturado vivo e depois assassinado

ArtigoComentários (0)
Antes de Mutassim Gaddafi ter aparecido assassinado, tinha sido capturado vivo e relativamente bem tratado pelos seus captores.

As imagens atrozes sobre a captura de Muammar al-Gaddafi acabaram por "abafar" a forma como o seu filho Mutassim Gaddafi foi assassinado. Mutassim foi capturado vivo, aparentemente muito menos mal tratado de que o seu pai; mas depois foi igualmente executado.

Segundo um artigo publicado pela Euronews, o ministro britânico da Defesa Philip Hammond considera que a "reputação" do Conselho Nacional de Transição (CNT) ficou «um pouco manchada» por Gaddafi aparecer com uma bala na cabeça depois de terem sido mostradas imagens de Gaddafi vivo no momento em que foi caputrado. Isto para não falar dos tratamentos selvagens de que foi alvo

É claro que para se achar que o CNT tem alguma reputação no sentido de ser um conselho de renome, é preciso só se ter acedido às "notícias" de corrente dominante. E obviamente não estou a referir-me a Philip Hammond, o actual Ministro de Defesa britânico. Estou a referir-me à população em geral a quem foi uma brincadeira de crianças vender estórias sem pés nem cabeça como a de Gaddafi ter dado viagra aos seus soldados para violarem as mulheres ou a do cemitério cheio de ossadas de prisioneiros. E tão habituados que os ditos rebeldes estão a dizer não importa o quê, que até depois das imagens mostrarem claramente que Gaddafi foi assassinado, o chamado número dois do CNT, Mahmoud Jibril, teve o descaramento de de insistir que Muammar al-Gaddafi tinha sido vítima de uma bala perdida.

Entretanto, emergiram umas imagens e vídeos na Internet que mostram que o mesmo se passou com Mutassim Gaddafi. Depois de capturado, Mutassim ainda pôde fumar um cigarro, beber água e "relaxar" um pouco. Ver vídeo mais abaixo.

O facto de Mutassim estar a limpar o sangue no nariz, levanta a seguinte questão: Será que o facto de ele estar a examinar os ferimentos nas pernas e a limpar o nariz, tem a ver com a possiblidade dos rebeldes não estarem interessados em matá-lo? Terão realmente sido os rebeldes a assassinaram Mutassim e o pai? Ou terão sido os agentes NATO ou aliados no solo? Ou os "rebeldes" depois de terem recebido novas ordens?

Reportar Erro

Caso tenha detectado algum tipo erro por favor descreva-o.